quarta-feira, 31 de agosto de 2005

A vida das Lolas - Episódio II: "El escape"

Quando completaram os seus 18 anos as jovens Lolas fugiram de casa numa noite escura, rumando a La Paz (Paz, Paz, Paz). Para chegar a La Paz, arranjaram boleia nas estradas, recorrendo aos seus atributos físicos.

As Lolas são jovens altas e morenas, cabelo longo e negro assim como os seus olhos. As curvas proeminentes e os seus lábios carnudos deixam qualquer chico à beira da loucura.

Vários condutores se encantaren com as Lolas, levando-as ao seu destino em troca de alguma “companhia” (se é que me estão a entender).

Chegadas a La Paz, procuraram o melhor bordel da cidade, onde foram recebidas com euforia, dado que a sua fama percorreu todas as estradas da América Latina.

segunda-feira, 15 de agosto de 2005

Mergulho no Mar 2

E pronto! Como prometido, e apesar de não haver vivalma que venha ao blog nesta altura, aqui está a foto de grupo no mergulho!!!

Estão assim, da esquerda para a direita: a Margarida, a Rocha, a Tânia, eu e a Patella...
Bjos

domingo, 7 de agosto de 2005

Interdição de banhos levantada na Caparica

Boas,

A quem está, merecidamente, de férias, ou não vê coisas úteis na televisão, decerto passou ao lado a recente invasão da nossa costa por esses seres míticos, os dinoflagelados. Assim, venho por este meio compartilhar com os meus doutos colegas a recente mas breve investigação que fiz sobre o assunto, relembrando os serões de sexta-feira à tarde, tão queridos por todos nós (leia-se nós como alunos do BAM que resistiam à tentação de começar o fim-de-semana mais cedo ou que tinham aulas de Dinâmica Populacional a seguir (essa também mítica aula prática!).

Finalizando, deixo-vos então com 3 sugestões:

- a leitura de um excerto de um artigo que saiu n'O Público, ontem, dia 6 de Agosto de 2005, desafiando-vos a encontrar na designação científica do bicho pelo menos 3 erros ( exercício bastante didáctico)
- comtemplação de uma bela foto/sugestão de utilização do dito cujo
- visita ao endereço onde podem encontrar o esforçado trabalho de diversos artistas, na representação macroscópica e palpável de diversos seres fitoplanctónicos, entre outros - http://www.sos.bangor.ac.uk/plankton/intro.htm

Cumprimentos biológicos, e votos de Boas Férias

PS: apresentarei em breve as fotos do mergulho que realizámos hoje em sesimbra, caso alguma tenha ficado perceptível a nossa presença em alguma delas...


"
Interdição de banhos levantada na Caparica 06.08.2005 - 10h12 Lusa

A Polícia Marítima levantou hoje de manhã a interdição de banhos nas praias da Costa da Caparica após o desaparecimento das micro algas tóxicas que ontem levaram à proibição, informou aquela polícia.
De acordo com o porta-voz da Polícia Marítima, foi levantada a interdição de banhos entre as praias de S. João e da Rainha depois de os concessionários terem verificado que já "não há qualquer vestígio de micro algas".
Segundo o comandante Coelho Cândido, as micro algas acastanhadas terão sido afastadas pela corrente até alto mar ou começado a diluir-se dado que a sua cor indica que já estavam em processo de decomposição.
A decisão de interdição de banhos nas praias da Costa da Caparica foi tomada sexta-feira ao início da tarde depois do aparecimento de uma mancha na água, que análises laboratoriais realizadas pelo Instituto Português de Investigação Marítima (IPIMAR) provaram corresponder a micro algas com alguma toxicidade.
De acordo com informação recolhida sexta-feira, a mancha de micro algas atingiu uma extensão de quase 20 quilómetros.
Alerta da Direcção-Geral da SaúdeCaparica: Desaconselhada ingestão de bivalves por risco de intoxicação 06.08.2005 - 11h46 Lusa
A ingestão de bivalves recolhidos na zona da Costa da Caparica é desaconselhada pela Direcção-Geral da Saúde (DGS), que alerta que podem conter a toxina libertada pelas algas que ontem atingiram 20 quilómetros de mar.
Em declarações à Lusa, o sub-director geral da Saúde, José Robalo, explicou que a toxina libertada pelas algas que ontem atingiram as praias da Costa da Caparica pode entrar na cadeia alimentar através dos bivalves.
Por esta razão, as autoridades estão a contactar os distribuidores de bivalves da zona para não colocarem estes moluscos no mercado.
A população também está a ser avisada para não recolher os bivalves e, principalmente, não os consumir, pois podem ingerir a toxina que a alga liberta.
A alga em questão tem a designação científica de "Lingolodinium Polyedrum" e a sua cor acastanhada que ontem coloriu as águas de praias da Costa da Caparica revela que se encontrava em "estado avançado do ciclo biológico", adiantou José Robalo.
O sub-director-geral da Saúde referiu que, em contacto com a pele, a alga pode causar alergias, razão porque a interdição dos banhos foi correcta.
Os banhos entre as praias de São João e da Rainha, na Costa da Caparica, estiveram interditos desde a tarde de ontem, uma proibição que a Polícia Marítima levantou hoje de manhã."